Blog

Páscoa é tempo de renovação 

páscoa é tempo de renovar energias

Apesar de ser uma celebração do calendário religioso cristão, a Páscoa tem seus simbolismos e significados curiosos em diferentes culturas. No entanto, todas concordam que a Páscoa é tempo de renovação. Este efeito de renovar com o propósito de se modificar para melhor se conecta diretamente à busca pelo equilíbrio com a nossa saúde a fim de promover o nosso bem-estar.

Nós, do Espaço Kaizen, acreditamos que, independente da crença religiosa pessoal que você tenha, a Páscoa desperta uma sensação de esperança para novos tempos. Afinal, as datas comemorativas têm o papel de nos trazerem mensagens específicas para continuarmos acreditando em um amanhã melhor com posturas mais positivas em relação à vida, de modo que possamos alcançar saúde física, mental e emocional.

Neste sentido, a Páscoa carrega interessantes simbologias em nossas vidas. De todos os símbolos, o ovo de Páscoa é o mais presente. Nas culturas pagãs, o ovo trazia a ideia de começo de vida. Os povos costumavam presentear os amigos com ovos, desejando-lhes boa sorte. 

Os chineses já costumavam distribuir ovos coloridos entre amigos na primavera, como referência à renovação da vida. Os cristãos primitivos do oriente foram os primeiros a dar ovos coloridos na Páscoa simbolizando a ressurreição, o nascimento para a nova vida. 

De alguma forma, todas essas tradições carregam como essência a busca pela harmonia de uma vida mais equilibrada, focada em autoconhecimento que pode ser encontrado em práticas de Yoga, por exemplo. 

 

Páscoa em outros países 

Antes de falarmos sobre a Páscoa em outros países, vale a pena informar sobre a sua origem. A Páscoa comemorada pelos cristãos é uma ressignificação de uma festa judaica.

Para os judeus, a celebração chamada de pesach, era realizada pela lembrança da libertação dos hebreus da escravidão no Egito. No idioma hebraico, essa palavra significa “passagem” e faz menção à passagem do anjo da morte no Egito. A festa foi revisada pelos cristãos, passando a ser relacionada aos atos de crucificação e ressurreição de Cristo.

Confira abaixo como a Páscoa é celebrada em alguns países. 

 

  1. Páscoa no Japão

Mesmo sendo tradicionalmente cristã, a Páscoa ganha espaço no Japão como a celebração da chegada da primavera no país. A população, de maioria budista ou xintoísta, acrescenta toques orientais à Fukkatsusai, ou Páscoa, em japonês. Ovos de chocolate podem ter sabor de matcha ou ser inspirados nas cerejeiras japonesas. Tradicional da província de Fukuoka, o Meika Hiyoko é um bolinho em formato de pintinho com recheio de geleia de feijão. 

 

  1. Páscoa na Argentina e França

Diz a tradição de Páscoa na França que os sinos ficam sem tocar de quinta a sábado da Semana Santa porque voam até Roma para serem abençoados. No retorno, eles deixam cair ovos, galinhas, pintinhos e coelhos de chocolate, caçados pelas crianças no domingo. Em Paris, os chocolatiers se superam com lindas criações nesta época do ano.

Na Argentina, em Bariloche, a data é bem importante no calendário festivo da cidade, com casa de coelho, casa de chocolate e ovos gigantes nas ruas.

 

  1. Páscoa na Alemanha

Decorar árvores não é uma tradição única do Natal. Na cidade de Berlim, na Alemanha, a Páscoa também é o momento para decorar as árvores, mas com ovos decorados, pintados à mão, produzidos em família. No País, a Páscoa é chamada de Ostern e a tradição de pintar os ovos vem desde o período anglo-saxão. 

 

  1. Páscoa na Austrália

Além do ovo da Páscoa, o coelho é um símbolo da celebração ao redor do mundo. No entanto, na Austrália, o animal carrega um significado negativo, em referência à peste. Durante a Páscoa, as crianças celebram o “Bilby da Páscoa”, um animal marsupial de origem australiana. De aparência peculiar, o bilby é uma mistura de rato com canguru, mas tem orelhas puxadas e o tamanho semelhante a um coelho. 

Em Sydney, o Show de Páscoa Real, na Royal Sydney Opera House, dura duas semanas. Neste período, as comunidades fazendeiras exibem as plantações e criações de gado e é considerado o maior show de Páscoa na Austrália.  

 

Páscoa e saúde mental 

A prática da Yoga, por exemplo, é um convite para a contemplação e para um novo olhar para renovar energias em benefício da saúde mental. De certa forma, a energia da Páscoa e essas vantagens da prática da modalidade combinam com o propósito do nosso espaço. 

No Yoga Kaizen, por exemplo, o praticante aprende o passo a passo de como meditar a fim de reduzir o estresse, promover o relaxamento e aprimorar o bem-estar e a qualidade de vida, além de renovar as energias. Confira abaixo os benefícios da meditação:

  • o relaxamento elimina as tensões acumuladas;
  • estabiliza a ação cardíaca;
  • promove o controle da ansiedade;
  • equilibra o sistema nervoso autônomo;
  • acalma a mente e as emoções;
  • aumenta a capacidade de resistência do organismo;
  • melhora a unidade psicossomática;
  • reforça todos os recursos mentais para aprender a manter o pensamento positivo;
  • melhora a qualidade de vida psíquica e a afetividade;
  • reduz o estresse.

 

Espaço Kaizen

Com mais de 15 anos de atuação no mercado, o Espaço Kaizen já conquistou a credibilidade e a confiança de muitos clientes. Nosso principal objetivo é proporcionar uma visão integrada de seu mundo interior, para que você possa desenvolver uma postura positiva em relação à vida e alcançar saúde física, mental e emocional.

 

Venha nos visitar!

Até breve.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Pesquisar

Search
Generic filters
Categorias

Últimas do Blog

Categorias

Receba nossa Newsletter